veja também

Projeto FSM REDD

A Florestal Santa Maria S/A chega ao estágio final de validação do projeto REDD – Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação, iniciado em 2009. Esse processo quebra um importante paradigma por ser a primeira área privada brasileira a validar este Serviço Ambiental.

O propósito da FSM, além de trabalhar com a compensação pela Redução de Emissões de Gases do Efeito Estufa (CO2), é criar um modelo de negócio que seja replicável a partir de projetos que tornem o Plano de Manejo Florestal Sustentável (PMFS) mais atrativo economicamente.

Para ter a percepção do impacto do projeto, ao fim de 30 anos (prazo do projeto 2009/2039), o desmatamento evitado de mata nativa da FSM, significa a redução de 30 milhões de toneladas de CO2 na atmosfera. O projeto FSM REDD foi validado em 04/05/12 conforme a metodologia VCS-V.3 (Verified Carbon Standard Version 3 = Projeto REDD em área de Manejo Florestal Sustentável). O código do registro de validação é: RA-VAL-VCS-015785.

galeria de imagens